Códigos SVG












Março Amarelo

   De uma forma geral, a Endometriose é uma doença que atinge cerca de 15% da população feminina. Classicamente, é caracterizada por episódios de cólicas intensas, especialmente no período menstrual, associada a outros sintomas como dor na relação sexual ou dor para evacuar, entre outros.
   Existe, no entanto um percentual de mulheres que é absolutamente assintomática quanto a dor e que mesmo assim apresenta a doença. Nestas pacientes, o diagnóstico muitas vezes é feito quando começam a ter dificuldade para engravidar. A Endometriose pode atingir cerca de 30% das mulheres inférteis, sendo uma das principais causas de infertilidade feminina, por isso, sempre deve ser investigada em qualquer casal infértil.
   Atualmente exames de imagem como a Ecografia Transvaginal 3D e a Ressonância Nuclear são capazes de dar o diagnóstico de forma segura e não invasiva.
   O tratamento da Endometriose para as pacientes que estão tentando gestar deve ser rigorosamente individualizado. Existem opções cirúrgicas ou hormonais, dependendo das características clínicas de cada uma, mas enfatizando principalmente a avaliação da reserva de óvulos desta paciente.
   A Endometriose é uma doença cheia de particularidades, com apresentações clínicas muito distintas. Certamente é muito mais prevalente do que mostram os números atuais e por isso, reforçamos a importância de sempre ser considerada na investigação do casal infértil.
 

Envie-nos sua mensagem

Dúvidas? Entre em contato! Preencha os campos abaixo! Logo retornaremos!